Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bd.centro.iff.edu.br/jspui/handle/123456789/375
Título: A Geografia crítica e o livro didático
Título(s) alternativo(s): subsídios para um debate
Autor(es): Tavares, Giovany da Cruz
Palavras-chave: Geografia - Filosofia
Geografia - Estudo e ensino
Data do documento: 10-Mar-2010
Orientador(a): Gustavo Siqueira da Silva
Abstract: Geography Critical Marxist certainly a milestone for the geographical thought from the 1970s. This is because by taking the historical and dialectical materialism as a theoreticalmethodological basis, ultimately providing an analytical tool that definitely helped to give a certain scientific discipline. This aspect of Geography has gained strong acceptance among Brazilian geographers come to be reflected in the classroom and in particular, in the textbooks from the 1980s, in the context of effervescence of Marxist thought in the academy. However, the recovery of Marxist categories resulted in a profound historicism and economism in geography, as well as incorporating a sense of political and ideological discourse of geography. In this context of crisis of Marxism in geography, there was an update of the Critical radical geography textbook. The economism, historicism and the categories included in this analysis are still current in the handbook, but found a reduction of the ideological discourse of critique of capitalism. In this sense, it is said that there is a reflux of Critical Geography in the schoolbook. This is explained in part, if the end of real socialism had practically "frozen out" the critical discourse, causing a kind of apathy among Marxist intellectuals. Thus, the didactic production is undergoing a period of change. The intention to promote a critical teaching of geography is to consider the construction of citizenship in a perspective of critical thinking and reality and free yourself from closed models of analysis. This orientation is possible to stimulate the student to think the reality of leaving their daily lives, in order to form creative, critical and autonomous human beings.
Resumo: A Geografia Crítica de inspiração marxista sem dúvida representou um marco para o pensamento geográfico a partir dos anos de 1970. Isso porque ao tomar o materialismo histórico e dialético como concepção teórico-metodológica de base, acabou por fornecer um instrumental analítico que contribuiu inegavelmente para conferir uma certa cientificidade a disciplina. Essa vertente da Geografia ganhou uma forte aceitação entre os geógrafos brasileiros, vindo a se traduzir na sala de aula e em particular nos livros didáticos, a partir da década de 1980, num contexto de efervescência do pensamento marxista na academia. Entretanto, a valorização das categorias marxistas resultou em um profundo historicismo e economicismo na Geografia, além de incorporar um sentido político-ideológico ao discurso geográfico. Nesse contexto de crise do marxismo na Geografia, houve uma atualização da Geografia Crítica radical no livro didático. O economicismo, o historicismo e as categorias de análise inscritas nessa corrente ainda permanecem nesses manuais, porém constatou-se uma redução do discurso ideológico de crítica ao capitalismo. Nesse sentido, afirma-se que está havendo um refluxo da Geografia Crítica no livro didático. Isso se explica em parte, na hipótese do fim do socialismo real ter praticamente “esfriado” o discurso crítico, provocando uma espécie de apatia entre os intelectuais marxistas. Dessa forma, a produção didática está passando por um período de mudanças. A intenção de promover um ensino crítico da Geografia é considerar a construção da cidadania numa perspectiva autônoma e reflexiva da realidade e libertar-se de modelos fechados de análise. Nessa orientação é possível estimular o educando pensar a realidade partindo do seu cotidiano, a fim de formar seres criativos, críticos e autônomos.
URI: http://bd.centro.iff.edu.br/xmlui/handle/123456789/375
Aparece nas coleções:Trabalhos de Conclusão de Cursos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Documento.pdf7,13 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.